________

14 janeiro 2010

Avatar


Simplesmente fascinante. Adorei o filme. Além de ter uma história super criativa, interessante e fabulosa tem efeitos especiais ótimos e bote "ótimos". Muito bem feito.
Fiquei admirada pela história desde o início (cheguei um pouco tarde no filme e perdi uns cinco minutos...fato, mas não perdi quase nada) e ainda comentando com um amigo (Kleber) fiquei mais admirada ainda. Primeiro o fato deles serem tão ligados a natureza, isso é lindo e primordial. Esses são os sentimentos "humanos" que deveríamos ter, mas infelizmente são poucos com esse amor por plantas, animais: seres vivos. Depois conversando com meu amigo descobri que tem muitas coisas no filme não observadas por muitos: a indireta "colonização", na verdade não colonização, mas como as Américas e outras colônias os homens tentaram invadir suas terras sem nenhum respeito por suas divindades, vidas e terras; outro fato da religião "Jurema" que é muito parecida com a deles (idolatrar árvores). Entre outras coisas que meu amigo "super inteligente" me falou, achei interessante falar sobre isso aqui.
Enfim, o filme é fascinante, perfeito, vale a pena ver no cinema. Em 3D imagino que deve ser bem melhor, então aproveitem!!

Retirei esses trechos de outros sites da internet:
Sobre o filme

Avatar veio para o Brasil como o primeiro filme totalmente em 3D da história. Claro, para um trabalho tão grandioso não poderia contar com um cineasta amador. Quem lidera essa montagem é o diretor James Cameron, famoso por ser pioneiro em grandes inovações por filmes (sempre inovadores, diga-se de passagem) como Titanic, O Segredo do Abismo, True Lies e o Exterminador do Futuro, um misto de histórias previsíveis e inesperadas.
Para a finalização deste filme, só para se ter uma idéia do tamanho da produção, foram necessários 14 anos, desde o roteiro, inspirado em contos científicos que o diretor lia enquanto criança. Além disso, o filme conta com a tecnologia de computador WETA Digital (empresa do diretor de Senhor dos Anéis) que torna o filme o mais real possível aos olhos de quem assiste, que sente-se a todos os momentos participando das cenas como na vida real. Para isso, foi preciso mais de um pentabyte (que corresponde a mil terabytes). Tentando explicar melhor: Para afundar o navio do Titanic foram usados dois terabytes, ou seja, a produção de Avatar leva 1/500 acima disso!

Sinopse

Avatar conta a saga de um fuzileiro naval paraplégico que, apesar de sua condição, viaja anos-luz à Estação Pandora para exploração de um minério raro que pode ser a solução para a crise energética na Terra. Entretanto, como a atmosfera em Pandora é rigorosamente tóxica, é necesário utilizar o DNA humano com o DNA de um nativo de Pandora, transformando-se em um avatar. Nestas condições, o herói da história não tem nenhuma deficiência, e, em uma luta contra os habitantes do lugar, acaba sendo salvo por uma Na’vi. E esse encontro é o que pode definir o destino desta guerra e de toda uma humanidade.

Críticas

O jornal O Povo classifica a Estação Pandora como Iraque (do ponto de vista militar), tendo em vista que os ataques dos ‘americanos’ tem interesse totalmente econômico. Uma outra referência é que Pandora é a comunidade em plena harmonia com o meio ambiente, o que meio que ‘dá um toque’ para a nossa eterna despreocupação com esta preservação. Entretanto, a crítica não desmerece a grandiosidade deste espetáculo, reafirmando que Avatar reinventa o cinema com um filme de pura mágica e que envolve o fantástico.













Formigueiros

0 milhões de comentários:

Postar um comentário

Related Posts with Thumbnails